Mundial de Agility 2019 – Informações


A Comissão Brasileira de Agility anuncia, no uso de suas atribuições, novas informações sobre o processo de seleção das duplas que representarão o Brasil no Campeonato Mundial de Agility FCI 2019, que será realizado na Finlândia.

Documentação

Excepcionalmente abriremos exceção para o envio da documentação para secretaria@brasilagility.com.br até domingo, 28 de abril de 2019.

É necessário o envio de:

  • Pedigree CBKC (no caso de cão importado o pedigree deve ter sido nacionalizado)
  • Exame de sorologia de raiva

Percursos

As seletivas serão julgadas por árbitros locais utilizando os percursos dos árbitros do Campeonato Mundial, Sari Mikkilä e Toshiyuki Oba. Os percursos serão desenhados exclusivamente para as nossas seletivas.

Além da oportunidade de competir nas pistas de Sari ao longo do American Agility Open, acreditamos que isso auxiliará na seleção e na preparação das duplas que representarão nosso País.

Local

As seletivas serão realizadas na Hípica São Roque, mesmo local em que serão realizadas as finais do Campeonato Brasileiro.

O Regulamento das Seletivas em seu Art. 3º, parágrafo 5º, não permitia a realização no piso de areia, entretanto, considerando a qualidade do piso e do espaço, a metragem disponível e por ser um campo coberto, a Comissão altera o artigo para incluir essa possibilidade.

Apoio financeiro para as duplas selecionadas

Foi verificada uma inconsistência no regulamento para participações em competições internacionais, que informava que as duplas receberiam o apoio financeiro por grupos, dividido pelo número de competidores em cada grupo. Entretanto, em alguns cenários, duplas com menor pontuação poderiam ganhar mais do que duplas em grupos com pontuação superior, que conquistaram mais índices durante a temporada. Foi incluído o parágrafo primeiro no Art. 4º, transcrito abaixo, que impossibilita que duplas com mais índices recebam menos do que duplas com menos índices, mantendo inalterado o percentual definido por grupo no início da temporada.

Art. 4º: As duplas selecionadas para o Mundial de Agility terão direito ao apoio financeiro da CBA desde que atinjam o índice técnico abaixo em pistas de Grau III em Campeonatos Estaduais, Nacionais e Copa CBA, julgados por árbitros do grupo “A” ou internacionais.

(…)

A ajuda financeira para à seleção sairá de:

25% do valor arrecadado com as Licenças de Agility

25% da receita líquida mensal da CBA

Estes valores serão dados a conhecer mensalmente à Comissão Técnica. Do valor total será distribuído a cada grupo e incluirá o valor a pagar pela taxa de inscrição, distribuídos da seguinte forma:

  • Grupo A – Porcentagem: 50%
  • Grupo B – Porcentagem: 30%
  • Grupo C – Porcentagem: 20%

Parágrafo primeiro: o valor por cada grupo será dividido pelos participantes em cada grupo, de forma que os competidores do grupo inferior não recebam o apoio financeiro superior ao do grupo acima.

Os valores que representam o percentual por grupo acima são:

  • Grupo A – 67% acima que o Grupo B
  • Grupo B – 50% acima que o Grupo C

Receba nossas novidades